DIA DAS TELECOMUNICAÇÕES - 17 DE MAIO

.
O nome "telecomunicações" significa comunicações à distância, ou seja, tele (do grego têle = ao longe) + comunicações. No mundo atual, de relações internacionais cada vez mais estreitas e dependentes e, portanto, cada vez mais necessárias do ponto de vista social e econômico, as comunicações se apresentam como um domínio de extrema força.

São importantes caminhos para a propagação de ideologias e culturas, aproximando povos que vivenciam tanto realidades semelhantes quanto radicalmente diferentes.

Representada pelas chamadas infovias (rodovias da informação), a telecomunicação segue transpondo todas as barreiras e fronteiras possíveis. Satélites artificiais, fibra ótica, levam mensagens em forma de som, imagens ou dados informáticos, viabilizando a transmissão de um fato ou documento para vários lugares ao mesmo tempo. Mas, que bobagem, isso não é nada. É apenas a nossa realidade. A realidade do século XXI.

No início

O primeiro aparelho moderno de telecomunicação foi o telégrafo. Como no século XIX já eram conhecidas as leis da eletricidade e do eletromagnetismo, foi possível a Samuel Morse registrar, em 1840, a patente do telégrafo. Baseado em um código binário de pontos e traços (o chamado Código Morse), mensagens eram enviadas rapidamente a grandes distâncias. O método foi logo aceito no mundo todo.


Algum tempo após, em 1866, um cabo transatlântico já ligava a Europa à América, funcionando regularmente sem problemas. Não foi preciso mais que dez anos, após essa data, para que Alexander Graham Bell patenteasse o primeiro telefone. Também ainda naquele século, no ano de 1890, Heinrich Hertz fez uma descoberta importantíssima: as ondas eletromagnéticas, que contribuíram para a radiodifusão que viria a ser implantada futuramente. Era apenas o começo.

Sistemas antigos e atuais

Telégrafo - funciona com um transmissor, cabo e receptor.

Telex - da junção do telégrafo e da telefonia surgiu o telex, que transmite textos escritos à distância, por uma linha telefônica.

Radiotelefonia - transmissão telefônica através de ondas eletromagnéticas ou hertzianas, também conhecida como telefonia sem fio (não se trata, no entanto, da telefonia móvel). Outro exemplo de sistema que funciona por meio dessas ondas é o radar.

Telefonia - microfone que converte as ondas sonoras (voz humana, no caso) em impulsos elétricos.

Fax - permite a transmissão de imagens via telefone, não só de textos, como é o caso do telex.

Modem - converte a informação digital de um computador em sinais que serão enviados via telefone para outro computador (modulação). O computador receptor da mensagem faz o caminho contrário (o de desmodulação). Daí a palavra modem, originada das letras iniciais de duas outras palavras inglesas: modulation e demodulantion.

Videotexto - possibilita o acesso a grandes bases de dados, por linha telefônica, a partir de um aparelho terminal de videotexto. Os principais serviços oferecidos por esse sistema são: consulta a listas telefônicas, a contas bancárias, a horários e preços de passagens de trens, aviões, ônibus e compra de ingressos para espetáculos e encomenda de produtos para serem entregues em casa.

Telefonia móvel digital - as estações de telefone móvel são interligadas entre si, por cabos de fibra ótica ou por ondas de rádio terrestres e o sinal recebido pelo telefone móvel vem dessas estações.

O desenvolvimento dos sistemas de telecomunicação

Surgiram nos anos 30, novos sistemas, extremamente importantes para o desenvolvimento das telecomunicações. É desse período os novos sistemas de comunicação como o telex, a radiotelefonia e a televisão.

Também a década de 60 foi bastante intensa nessa área. Os computadores, por exemplo, passaram a ser interligados a grandes distâncias, o que, de quebra, trouxe um problema: como a criação de uma nova rede de comunicações para integrar os computadores era muito cara, o jeito foi usar as redes de telefone que já existiam. E com o aumento da procura dos serviços de informática aumentando significativamente, na década de 80, ocorreram colapsos nas velhas linhas telefônicas.

A substituição dos cabos tradicionais, feitos de cobre, pelos de fibra ótica em que os sinais são transmitidos a 300.000 quilômetros por segundo, ou seja, à velocidade da luz, foi a solução para o setor.

As telecomunicações nos dias de hoje

A junção das telecomunicações e da informática - tecnologias consideradas independentes tempos atrás -, produziram e vão continuar produzindo alterações práticas para o nosso dia-a-dia. Mudanças que vão tornar a comunicação entre as pessoas cada vez mais rápida e eficaz.

Com o sistema de fibra ótica, o acesso às redes internacionais de informática torna-se ainda mais acelerado, sem falar na possibilidade de transmissão instantânea de documentos ou fotos, por conta dos faxes de alta definição plugados à rede.

Cresce o número de pessoas que trabalham em suas próprias casas, conectando-se com seus clientes via internet, fechando negócios.

Outra grande opção das facilidades que a tecnologia de hoje nos oferece - o aperfeiçoamento do videofone - permite que o usuário veja seu interlocutor numa ligação telefônica ou mesmo, se o outro não estiver em casa, deixar o seu recado gravado em vídeo.


Cinema e televisão: escolha dos programas, podendo o telespectador optar se assiste o filme com o som original ou dublado. Mas não é tudo. Ainda surgirão muitas novidades.

Fonte: IBGE-Teen


.

Nenhum comentário :

Topo