13/02/11

RECIFE E OLINDA - ANIVERSÁRIO 12 DE MARÇO

.
Recife

Capital de Pernambuco, Recife nasceu na foz dos rios Capibaribe e Beberibe. Possui inúmeros canais e pontes, e por essa razão é conhecida como a “Veneza brasileira”.

Recife alia a arquitectura das zonas modernas a um centro histórico com casas coloniais do séculos XVII e XIX. Esta cidade também é famosa pelas suas praias, possui a também conhecida Praia de Boa Viagem, uma das mais belas praias urbanas do Brasil, onde se encontram diversas piscinas naturais, além de ser o ponto de partida para muitos outros destinos com praias do Estado de Pernambuco.

Recife Antigo é o mais antigo dos bairros da cidade, as principais atrações são os sobrados coloniais e monumentos históricos, como a Catedral da Madre de Deus (1709) e a Torre Malakof (antigo observatório meteorológico), construída em 1855. Vale a pena visitar o Forte do Brum, do século XVII, mais importante forte de Recife, hoje um museu militar e o Pátio de S. Pedro na R. de S. Pedro, e conhecer o casario colonial dos séculos XVIII e XIX à volta da catedral de S. Pedro dos Clérigos. Esta área concentra uma importante área de animação nocturna, com bares, restaurantes, espaços de lazer e com a realização de vários eventos.

Recife foi cenário digno de verdadeiros filmes de guerra, durante as primeiras décadas do século XIX, inspirado nas idéias liberais, difundidas pela Europa na época. A história da cidade está marcada por confrontos desde o momento em que o próspero povoado foi elevado à categoria de vila, em 1710. A partir daí, o Recife sempre esteve em meio a batalhas, lutando pela liberdade e a autonomia de Pernambuco.

O conflito entre Recife e Olinda, conhecido como Guerra dos Mascastes, que acabou virando brigas de rua entre os mascates (os comerciantes do Recife) e os pés-rapados ou lisos (apelido da aristrocracia rural falida de Olinda) ficou cada vez mais acirrada depois que Portugal decidiu dar o merecido título ao ex-vilarejo de pescadores e reduto de comerciantes.

Recife - Pernambuco - Praia

Com a movimentação do porto cada vez maior, o Recife caiu de vez nas graças de Portugal e o seu modelo mercantilista, passando a receber mais benefícios e atrair mais comerciantes. Não é para menos que logo depois da Independência do Brasil, a vila é elevada à cidade (1823) e, mais tarde,à capital de Pernambuco (1827).

No cenário nacional, o Recife se destacou como sede das três mais importantes revoluções libertárias da História do Brasil, que ocorreram no século 19: a Revolução Republicana,em 1817; a Confederação do Equador, em 1824; e a Revolução Praieira,em 1848.

A primeira é considerada como o único dos movimentos colonias do Brasil que conseguiu passar da fase meramente conspiratória - ao contrário do que a conteceu com a Inconfidência Mineira (MG) e com a Revolta dos Alfaiates (BA).

A segunda foi um movimento de caráter separatista, que envolveu também o Ceará, a Paraíba e o Rio Grande do Norte. Nessa revolução - na qual aparece aquele que é considerado o maior mártir do Estado, o Frei Caneca. Recife sedia mais uma vez os principais acontecimentos.

Já a terceira se destaca como o último movimento liberal e interno que aconteceu no 2º Reinado do Brasil, revelando heróis urbanos e marcos históricos da luta dos liberais contra os conservadores, como a rua da Praia.

Verdadeira lição na História do Brasil, Recife talvez seja a cidade mais marcada e castigada do País, devido à sua ação libertária e constante de combate ao nepotismo.

Olinda

Fundado em 1535 por Duarte Coelho Pereira, o povoado de Olinda foi elevado a vila em 12 de março de 1537. Olinda era sede da capitania de Pernambuco, mas foi incendiada pelos holandeses que transferiram a sede para o Recife.

Em 1637 foi elevada à categoria de cidade, voltando a ser capital de Pernambuco em 1654 quando os portugueses retomaram o poder e expulsaram os holandeses. Em 1837, perde de vez o título de capital para o Recife. Além de sua beleza natural, Olinda é também um dos mais importantes centros culturais do país.

Olinda - Pernambuco

Declarada, em 1982, Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade pela UNESCO, Olinda revive o esplendor do passado todos os anos durante o Carnaval, ao som do frevo, do maracatu e outros ritmos irresistíveis.

Olinda abriga um pólo de eventos bastante conceituado. O Centro de Convenções de Pernambuco (foto) é considerado o terceiro maior pólo de eventos do país e um dos mais modernos da América Latina. Olinda, Pernambuco

Com uma estrutura que suporta grandes atrações, o Centro de Convenções disponibiliza equipamentos de última geração e proporciona a Olinda uma mistura de lazer e negócio. Outra estrutura montada para eventos de grande porte é a do Classic Hall, considerada a maior casa de shows da América Latina.

O Classic Hall reforçou o turismo e o desenvolvimento econômico da região, trazendo atrações musicais de destaque nacional e internacional. Vizinha do Recife, Olinda tem o turismo como um forte atrativo econômico. Além disso, a cidade possui o segundo maior pólo médico de Pernambuco com clínicas, pronto-socorro, maternidades e hospitais reconhecidos no Estado.

Olinda é detentora do maior carnaval do mundo. As ladeiras de Olinda enchem-se de fantasias e cores durante os quatro dias de folia. A brincadeira é acompanhar as troças carnavalescas, carnaval de Olinda, Pernambuco clubes de frevo, maracatus, afoxés, bonecos gigantes e qualquer outro batuque que por ali passar. O que vale é participar da festa.

Com o título de Patrimônio Mundial da Humanidade e berço da cultura brasileira, Olinda é pura beleza e arte nas ruas de seu sítio histórico, inspiração para vários artistas plásticos que escolheram a cidade para montarem ateliês, galerias e museus. Foi a primeira capital de Pernambuco e deve ser também um dos primeiros lugares a serem visitados quando se chega ao Estado.

(IBGE e Governo do Estado de Pernambuco)

Para receber atualizações das matérias:
Digite seu e-mail:


FeedBurner-Google
Você receberá um e-mail de confirmação, é só seguir o link e confirmar.

Nenhum comentário :

(Se estiver usando o Chrome, acione aqui e vá ao topo da página)

Loading...

Analytics

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...